Novos detalhes sobre o suposto Silent Hill do PS5

17/11/20

O tempo passa e desde que a Konami desmentiu rumores de que estaria trabalhando em conjunto com a Sony Japão para desenvolver um Reboot de Silent Hill exclusivo para o PlayStation 5, os boatos esfriaram e ficamos um bom tempo sem atualizações.Porém, Dusk Golen, um respeirtável e confiável leaker vazou informações e detalhes que reacendem as esperanças dos fãs da franquia. Os detalhes, segundo Golen são de fontes 100% confiáveis que possuem absoluta certeza de que a Konami iniciou os investimentos em uma nova franquia Silent Hill em 2018.Desde então o desenvolvimento está em cooperação entre a Sony Interactive Entertainment Japan e a Konami, excluindo qualquer suposto involvimento da Kojima Productions ou do próprio Hideo Kojima. A parte mais interessante é que o novo jogo supostamente terá uma jogabilidade diferente, dividido em episódios como vimos em Until Dawn e Detroit Become Human.Embora a jogabilidade apresentada seja menos dinâmica e livre como os tradicionais jogos da franquia Silent Hill, o roteiro pode fazer a diferença, pois como vemos nos exemplos dos exclusivos episódicos da Sony, a história contada torna o jogo mais imersivo e cinemático criando empatia e muitas vezes maior envolvimento do jogador que não apenas cumpre objetivos e tem que dividir sua atenção entre história e combates.Outros detalhes que não é 100% certos, mas que foram revelados, são intrigantes e ao mesmo tempo animadores, como por exemplo a volta do criador da série, Keiichiro Toyama assim como o envolvimento de Akira Yaomoka, que compôs a trilha sonora original e Massahiro Ito, artista que criou a série em cooperação com Akira e Toyama. Além do trio que esteve por trás do primeiro jogo no PlayStation, os desenvolvedores de Siren estão envolvidos no processo criativo.Dusk Golen ressalta que embora a Konami tenha chamado Kojima para uma conversa no início, o próximo Silent Hill não possui ligação nenhuma com Silent Hills, ou o Playable Teaser da Kojima Productions, sendo este um jogo inteiramente novo e desenvolvido pela Sony ao lado da Konami e embora o jogo seja um reboot (não um remake), será apenas um soft reboot, o que dá a entender que alguns acontecimentos da série clássica se manterão canônicos, mas que outras coisas poderão ser ignoradas.Vamos aguardar novidades desta franquia que merece um novo jogo e que possui grande potencial para reanimar velhos fãs e conquistar novos.Por: PhMordred

As notícias mais quentes