FIFA 21: Ibrahimovic acusa EA de usar sua imagem e nome sem permissão

24/11/20

Ontem o craque Zlatan Ibrahimovic desabafou em seu Twitter alegando que por todos estes anos a EA Sports utiliza sua imagem e nome na franquia de jogos eletrônicos FIFA sem consentimento do atleta, o que está gerando seu descontentamento com a empresa.

O Atacante do AC Milan diz que não foi consultado pela empresa para usar seu nome e imagem em FIFA 21 e em jogos anteriores e exigiu que uma investigação seja realizada. O mais curioso é que provavelmente esta autorização está vinculada ao contrado do atleta com o clube que defende, pois torna-se mais viável para ambas as partes que os acordos judiciais pelo direito de imagem sejam feitos entre as insitituições, ao invés de tratar individualmente com cada atleta.

É comum vermos ações movidas por clubes e instituições desportivas contra empresas de jogos eletrônicos por uso indevido de imagem, mas é a primeira vez que temos uma acusação feita individualmente por um membro de uma dessas instituições, confira os tweets de Ibrahimovic.

"Quem deu permissão ao FIFA EA Sport para usar meu nome e rosto? @FIFPro? Não estou ciente de ser um membro do Fifpro e se for, fui colocado lá sem qualquer conhecimento real por meio de alguma manobra estranha. E com certeza nunca permiti @FIFAcom ou Fifpro para ganhar dinheiro usando-me." Ele continua dizendo "Alguém está lucrando com meu nome e rosto sem qualquer acordo todos esses anos. É hora de investigar".

É interessante o levantamento da questão do atleta, pois como explicamos acima, o contrato com o clube já garante o uso de sua imagem com jogos eletrônicos, e portais de transmissão de jogos como televisão e internet, obviamente jogadores aposentados que aparecem no game como "lendas" devem formalizar acordos individuamente por não serem representados por nenhum clube ou instituição desportiva.

Talvez Ibrahimovic não tenha percebido que há três anos participou de uma entrevista para a EA Sports por ser o jogador do mês de dezembro no período da temporada 2017 e tenha ficado chateado por só agora entender que estava tendo sua imagem associada à franquia de jogos.

A Eletronic Arts e o AC Milan ainda não se posicionaram sobre a acusação oficialmente e o atleta também não comentou sobre contrato de direito de imagem feito com o clube.

Por: PhMordred

As notícias mais quentes