Análise: Snyder's Cut de Liga da Justiça ganha Trailer Final recheado de referências

14/2/21

Mesmo com o anúncio da saída de Zack Snyder da direção de Liga da Justiça, os fãs ficaram confiantes com o resultado do filme que chegaria aos cinemas ao final de 2017, afinal Snyder havia se ausentado por problemas familiares e Joss Wedon estaria assumindo apenas para realizar refilmagens.

Porém, o que foi visto nos cinemas foi um filme completamente bagunçado e mal editado, com cenas desnecessárias e uma visão totalmente diferente da que Zack Snyder tinha em mente, o que levou os fãs a levantarem uma campanha pela disponibilização do Snyder's Cut, com a visão do diretor.

Antes de continuar, dê uma olhada em nossa Camiseta oficial com design exclusivo.

Felizmente, após alguns anos de espera, Zack finalmente entrou em um acordo com a Warner para produzir seu filme de 4 horas, porém o que parecia ser complementado apenas com pequenas refilmagens e finalização de efeitos especiais, aparentemente se mostrou a produção de um filme completamente novo com a introdução de elementos que não estavam no roteiro original e mudanças significativas em alguns personagens como o Coringa e o Lobo da Estepe, ou seja, Snyder foi esperto e ao invés de entregar o mesmo filme com adição de seus elementos, ele corrigiu os pontos criticados pelos fãs e aparentemente promete entregar um filme muito superior ao visto nos cinemas há 3 anos atrás.

E com a data de seu lançamento oficial se aproximando, tivemos a divulgação de seu último trailer que iremos analizar à seguir:

O trailer se inicia com a icônica cena da morte do Superman que ocorreu no confronto contra o Apocalipse, no final de Batman vs. Superman - A Origem da Justiça, neste momento é dito que a morte do "deus" deixou a humanidade vulnerável e o medo pela perda de seu maior Super Herói parece ter despertado medo o suficiente nos humanos para que os Parademônios de Darkseid pudessem subjulgar nosso planeta.

Foto: HBO Max

Este momento inicial serve para ditar qual será o clima do filme e a partir de qual ponto a história será conduzida, a marca registrada de Snyder, a câmera lenta e trilha sonora forte estão presentes deste o início e podemos ver que Batman continua errado em Batman vs. Superman, pois o Último Filho de Krypton não sangra.

FOto: HBO Max

Os sonhos do Batman estarão de volta e desta vez mais explicados, prenunciando a vinda de Darkseid e as consequências de seus atos sobre o mundo, aparentemente diferente de Batman vs Superman, onde Kal-El seria corrompido e lutaria ao lado de Darseid, desta vez, os sonhos parecem abordar apenas as consequências da queda da civilização após o domínio do soberano de Apokolips.

Além do "sonho profético" de Batman, vemos pinturas antigas contando um pouco da história que vimos na versão de 2017 quando diferentes povos se uniram contra as ameaças de Darkseid seguida da apresentação ofical do vilão e seus aliados, o torturador DeSaad e Vovó Bondade, treinadora dos soldados de Apokolips.

O Lobo da Estepe ajoelha perante os Novos Deuses e neste momento podemos ter uma dimensão do tamanho da trindade, pois sabemos que o vilão do filme de 2017 é muito maior que os habitantes do Planeta Terra e diante de Darkseid, DeSaad e Vovó Bondade, sua estatura parece mediana.

Foto: HBO Max

Aparentemente este filme será mais violento do que a versão apresentada em 2017, com desmembramento e derramamento de sangue durante as batalhas, vemos uma amostra da brutaidade na cena em que o Lobo da Estepe luta contra as Amazonas pela Caixa Materna presente em Temyscira.

Durante o monólogo de Bruce Wayne para Arthur Cury, o Aquaman, o vemos dizer que está reunindo uma equipe, com isso vemos cenas dos heróis em ação em algumas das cenas já vistas antes, mas com alguns aprimoramentos visuais e recursos de computação gráfica.

Alfred quebra a sequência de cenas dizendo que se Bruce "não consegue derrubar o touro, então não balance a capa vermelha" fazendo um aceno ao renascimento do Superman, mas caso a referência não tenha ficado clara o bastante, há um holograma do herói na tela neste momento.

Foto: HBO Max

Finalmente vemos algumas coisas inéditas envolvendo os membros da Liga da Justiça como novas armas na armadura de Cyborg, a cena deletada em que Barry Allen salva Iris West de um acidente de trânsito e é claro, vemos finalmente o traje preto do Superman em ação.

Para quem não compreende a importância deste traje, é com ele que o Superman consegue absorver uma quantidade maior de nossa radiação solar, fonte de energia do herói. Ele o usou pela primeira vez após sua trágica morte nos quadrinhos, sendo constantemente associado ao renascimento e ressurgimento do herói.

Vemos nesta cena praticamente uma releutura do icônico "primeiro vôo do Superman" apresentado em O Homem de Aço de Zack Snyder, nesta cena as pequenas pedras ao redor de sua mão agem de acordo com as mudanças no campo magnético em volta do herói que o faz voar, a cena é sobreposta com um vôo do Cyborg.

Muitas cenas de ação e drama mostram que os heróis possuem muita coisa a perder e precisarão lutar para garantir o bem estar de seus entes queridos e após o encerramento com os créditos do filme finalmente vemos o novo Coringa de Jared Leto em ação.

Foto: HBO Max

"Nós vivemos em uma sociedade onde a honra é uma memória distante, não é Batman?" esta frase filosófica que parece não se encaixar tão bem com o arqui inimigo do homem morcego mostra sua decadência e como ele está amargurado com aquele mundo que embora esteja caótico, não tem mais sentido.

O vilão parece triste e desolado, suas roupas são o total oposto do Coringa de Esquadrão Suicida que gostava de trajes caros e estravagantes, sua maquiagem e cabelos refletem esta nova personalidade para o Palhaço Príncipe do Crime que a cada novo filme aparece mais sombrio e melancólico.

Porém, algo que chama a atenção é que entre a tensão de Batman e Coringa, podemos ver em segundo plano desfocado a presença do Cyborg acompanhando o cruzado encapuzado neste mundo pós apocalíptico, ainda não sabemos sua função nesta realidade ou se Bruce foi atrás de seu velho inimigo (trajado com um colete da SWAT e um rifle de assalto) para formar uma aliança desesperada.

Zack Snyder's Justice League está previsto para chegar aos Cinemas e ao HBO Max em 18 de Março.

Por: PhMordred

As notícias mais quentes